quarta-feira

Zuckerberg planeia doar 99% das ações do Facebook para deixar um mundo melhor

Nota prévia: Num acto insólito, pelo volume de capital, Zuckerberg torna-se num grande filantropo, de par com Bill Gates, o dono do FB encontrou um novo sentido de vida (e para a vida) que só lhe acrescenta valor humano e traz benefícios à humanidade. Aos muito ricos pouco importância tem ficar com menos uns milhões, mesmo voluntariamente, pois em compensação (moral e social no plano global) o que representa em altruísmo com esse novo sentido de vida - é de valor incalculável. 
- Mas como diria Woody Allen, que hoje faz 80 anos, entre ser rico e ser pobre, prefiro ser rico, antes de mais nada por motivos financeiros... 
__________



Zuckerberg planeia doar 99% das ações do Facebook para deixar um mundo melhor






A doação foi anunciada na rede social.
Em carta dirigida à filha Maxima, Zuckerberg e a esposa, Priscilla Chan, comprometem-sea 99% das ações da empresa, com um valor atualmente estimado em 42 mil milhões de euros, para contribuírem para um mundo melhor e mais saudável para a filha e para as outras crianças.
"Max, nós amamos-te e sentimos uma grande responsabilidade em deixar o mundo um lugar melhor para ti e para todas as crianças. Desejamos-te uma vida com o mesmo amor, esperança e alegria que nos deste. Aguardamos ansiosamente para ver a tua contribuição para este mundo", acrescentaram os pais, na carta à filha.
As ações serão transferidas para a fundação Chan Zuckerberg Initiative, uma organização que atualmente já trabalha no apoio a crianças. A doação pretende "aumentar o potencial humano e promover a igualdade entre todas as crianças da próxima geração".
O casal Zuckerberg, em 2010, já se tinha comprometido a aderir à Giving Pledge, uma iniciativa liderada por Bill Gates que propõe que os mais ricos do mundo dêem grande parte da sua fortuna a organizações de filantropia.
Numa carta enviada pelos advogados do fundador do Facebook à entidade reguladora os contornos da doação ficam melhor explicados. Zuckerberg afirma que a totalidade das ações doadas serão transferidas "ao longo da sua vida" e que, pelo menos, nos próximos três anos o magnata não se vai desfazer de mais de 940 milhões de euros em ações por ano.
Zuckerberg deixa também claro, ao regulador e aos mercados que "pretende manter a maioria das ações da empresa no futuro visível".
___________

Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home