quarta-feira

Notas triunfantes de Fernando Pessoa


Será que Fernando Pessoa sabia que seria reconhecido ao tempo em que viveu e escreveu?! 

- Na maior parte dos seus escritos, alguma produção parece predizer que não. Contudo, em 1912, quando faz a sua estreia como escritor, designadamente através - não dos seus poemas - mas de crítica sociológica à nova poesia portuguesa, em que Pessoa analisa a história literária, social e política da Inglaterra e da França para demonstrar, por analogia, que Portugal - dada a sua conjuntura - se encontrava no limiar de uma época gloriosa da sua literatura, na qual apareceria "fatalmente" um "Grande Poeta", o qual remeteria para "segundo plano" a figura, até então, proeminente, de Camões. 

- Esse grande poeta seria, naturalmente, Fernando Pessoa. Na prática, e sem falsas modéstias, Pessoa sabia que seria reconhecido, e até tirou prazer intelectual dessa antevisão. Nolivro do Desassossego lemos o seguinte: 

(...) o prazer da fama futura é um prazer presente - a fama é que é futura. Eu que na vida transitória não sou nada, posso gozar a visão do futuro a ler esta página, pois efectivamente a escrevo; posso orgulhar-me, como de um filho, da fama que terei, porque, ao menos, tenho com que a ter

- Com efeito, Pessoa tinha a precisa noção que não era apenas um poeta, ou mais um entre muitos, pois em 1912, ele ainda não escrevera nada que o pudesse definitivamente catapultar. Mas sentia que o seu génio criador, após estudo aprofundado das literaturas e culturas de várias línguas, países e tendências, estava prestes a dar frutos. 

- Esta noção do valor que Pessoa tinha da sua própria capacidade literária e cultural contraria, por um lado, a opinião generalizada de que ele não se tinha em grande conta e, por outro lado, ajuda a fixar a noção de que o pensador genial que foi Pessoa pressentia que a sua obra, mais cedo ou mais tarde, seria reconhecida e o colocaria ao nível dos grandes entre os grandes das letras de Portugal com vocação universal. 

- Eis o que justamente veio a suceder. 

____________________


Etiquetas: ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home