terça-feira

Vai Passos Coelho a Moçambique para revelar impreparação e...

O primeiro-ministro português admitiu não saber se a história o absolverá das opções que tomou como governante, e assumiu que "a maioria dos portugueses", incluindo ele próprio, "não gostou das medidas difíceis" do seu governo. 

"Não sei", disse Passos Coelho, quando interrogado sobre se a história o absolverá, numa entrevista publicada esta segunda-feira pelo diário “O País”, de Maputo.














___________________

Obs: Vai o ainda primeiro-ministro a Moçambique para revelar a sua congénita impreparação nas coisas da governação. Além disso, revela também a falta de convicções que devem animar qualquer governante. É o dois em um - do mau ao péssimo. 

Escusa de ir a Angola repetir a proeza, porque os angolanos já conhecem a matéria-prima de que o homem é feito. 

E assim vamos queimando a imagem de Portugal no exterior. 


Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home