sexta-feira

Transtorno da personalidade



Resultado de imagem para personalidade border-line


Quem vive em permanente tensão consigo e com os outros? Quem, por crises de ansiedade ou de pânico, desmaia em público? 

- Quem vê em alguns partidos de esquerda - o velhinho anti-comunismo primário típico da guerra fria - como se o tempo tivesse parado e não houvesse uma evolução ao nível do pensamento social e político que dinamiza a vida dos partidos? 

- Quem tem a mania da perseguição e vê no adversário político um inimigo a abater? Será que em democracia há inimigos (ou adversários)?

- Quem se dá ao trabalho de conceber e de escrever um livro de 600 págs. com o propósito primacial de - recorrendo a duas ou três págs. - assassinar o carácter daquele inimigo fidagal a abater, especialmente quando este se encontra fragilizado e a contas com a justiça, e após ter cumprido prisão durante um ano e ainda sem culpa formada, dado que se aguarda a acusação. 

- De facto, há aqui um padrão de desvio à norma que indicia algo de errado, uma patologia, naquela personalidade. 
- E os portugueses, que pagaram os impostos todos decorrentes de todos os crimes económicos-financeiros, de que o BPN foi precursor, têm de estar preparados para compreender e aceitar que, no seu seio, foram essas pessoas com essas patologias que ocuparam os principais lugares no aparelho de Estado nos últimos 30 anos em Portugal. 
___________________

Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home