terça-feira

Um Governo que taxa o Sol é um Governo PANTOMINEIRO. Impostos radioactivos



Por reporte à bizarra situação em que o Governo tenciona aumentar os IMIs àqueles imóveis que têm uma solarenga situação, só podemos dizer que se trata da mais bizarra situação fiscal de que há memória em Portugal. A qual só encontra paralelo com o alegado desconhecimento invocado por Passos coelho para este não pagar as respectivas contribuições à Segurança Social, como não pagou durante mais de meia dúzia de anos (alegando desconhecimento da lei na qual colaborou legislativamente, enquanto deputado). 

Legislar assim, desesperadamente, só para equilibrar as contas públicas e dar uma satisfação a Bruxelas, que ameaçou o país de sanções por défice excessivo, representa várias coisas simultaneamente: 
- perder o respeito por si mesmo e;
- perder o respeito pelos cidadãos-contribuintes. É uma plena pantominice e deve ser devidamente sancionada pelos cidadãos. 

Tal desvario legislativo-fiscal revela, por outro lado, o desespero em que caiu o Governo de António Costa para se comportar como "o bom aluno" diante Bruxelas, cujas práticas fiscais abusivas tanto criticou no governo precedente. 

Um governo que se comporta desta maneira, a saquear o common sense e com um ministro das Finanças completamente perdido na pasta que seria suposto saber tutelar, merece ser encostado às cordas pelo BE e pelo PCP, que há muito tempo estão calados e devem actuar no sentido de saber refrear estas pantominices que, no mínimo, são inconstitucionais, ilegais e, pior, ilegítimas. 

Por isso, cuidado A. Costa, pois o sol tanto pode bronzear como queimar, noutros casos, mais bizarros, até derrete e pode ser (eleitoralmente) radioactivo...

Até parece que estamos no dia 1 de Abril..., dia das mentirinhas!!!
__________

PS: Lamento como um homem inteligente caia numa emboscada eleitoral deste calibre, o qual poderá ditar antecipadamente o seu funeral político. 
_______________



Etiquetas: ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home