quarta-feira

Notas de júbilo dos pobres de espírito




 photo _JMF_zps30182565.jpg



Se o JMF sofria de socratismo é motivo de internamento no Júlio de Matos, um método de tratamento apropriado a alguém que foi redactor da Voz do Povo, num tempo em que isso implicava a admiração ilimitada de Estaline. Mas andar agora armado em Voz do Povo a promover a reeducação dos socráticos recuperáveis só merece um vómito.

___________

Obs: Pensava que o dito jornalista, que voou da extrema esquerda para ideologia neoliberal mais selvagem que respalda os crimes económicos praticados pelo XIX Governo (in)Constitucional, ainda "editoriava" no Público. Há dias informaram-me que também criou um bloco de notas chamado Macroscopia. Além de escassamente imaginativo revela, pela "doença" de que padece, uma invulgar necessidade de atacar os que caíram em desgraça. O sr. fErnandes evoca-me aquele condutor de domingo que quando vê um casal de idosos numa passadeira, em vez de abrandar e deixar passar, acelera e abre as portas. Não surpreende. Afinal, foi igual a ele próprio. 

_________________



Etiquetas: ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home