segunda-feira

O cú não terá nada que ver com as calças - por Eurico Heitor Consciência -

O cú não terá nada que ver com as calças

Oleiros é um pequeno Concelho da zona do pinhal, no meio da maior floresta privada da Europa, que tinha cerca de 6.000 residentes há uma dúzia de anos e que agora não terá 5.000. E dista cerca de 20 km (com muitas curvas) da Sertã, a cuja Comarca esteve agregada a de Oleiros. Com a de Oleiros quero dizer a Comarca de Oleiros, porque apesar da sua reduzida população, Oleiros foi sede de Comarca até à recente reforma judiciária – que, como se sabe, aboliu centenas de Comarcas e encerrou dezenas de tribunais.
Mas Oleiros continuou a ter Tribunal apesar de ter pouco movimento e poucos processos e pequena taxa de litigância – menos processos do que várias das antigas Comarcas que foram despojadas de Tribunais.
Apesar, também, de ficar perto da Sertã.
Só recentemente soube, com surpresa, face aos critérios que o Ministério da Justiça disse que foram os que presidiram à reforma judiciária e ao consequente mapa judiciário, que o Tribunal de Oleiros não fora exterminado.
Perguntei porquê, já que tribunais da zona com mais movimento e maior taxa de litigância, como Mação e Ferreira do Zêzere, tinham sido banidos. Ninguém me deu resposta cabal.
Alguns dias depois aventaram-me, com reservas, que talvez tenha sido porque o Presidente da Câmara Municipal de Oleiros pertence aos órgãos superiores da direcção do PSD – partido da Senhora Drª Paula Teixeira da Cruz, Ilustríssima Ministra da Justiça e da reforma judiciária.
Não acredito nisso.
____________
Obs: Diria que esta soit-disant "reforma judiciária, ou reforma do contentor, é mais um caso de Polícia Judiciária do que um caso de administração racional dos bens e equipamentos do país, já de si tão pobre, ficando paupérrimo tendo como titular da pasta mente tão destituída como a alegada ministra da extinção da Justiça e da desertificação de Portugal. Pois é o que tem acontecido desde 2011 - no sector da Justiça, e não só...
____________________

Etiquetas: , , , ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home