quinta-feira

É provável que Salgado tenha estado envolvido na ocultação de contas"

"É provável que Salgado tenha estado envolvido na ocultação de contas"
Inquérito parlamentar à gestão do BES/GES aponta culpas a Salgado, a Granadeiro e Bava porque sabiam dos investimentos da PT no GES, e ao Banco de Portugal e à CMVM por falta de articulação.

O relatório preliminar da comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do Grupo Espírito Santo (GES) indica ser "provável" que Ricardo Salgado tenha "estado envolvido na ocultação de contas da Espírito Santo International (ESI) desde 2008".
Para além do "provável" conhecimento de Salgado da ocultação de contas da ESI, 'holding' do GES, também José Castella, 'controller' financeiro do grupo, teria conhecimento da ocultação, embora em menor escala do que Salgado, frisou o deputado relator.
O relatório indica que os antigos presidentes da Portugal Telecom (PT) Henrique Granadeiro e Zeinal Bava sabiam dos investimentos da operadora no GES.
"A análise efetuada às operações de financiamento da Espírito Santo International (ESI) e da Rioforte pela PT aponta para que a sua concretização tenha envolvido responsabilidades e fosse do conhecimento, ainda com graus variáveis de detalhe, de Henrique Granadeiro, Zeinal Bava, Luís Pacheco de Melo, Carlos Cruz, Ricardo Salgado, Amílcar Morais Pires e Joaquim Goes", é dito no relatório preliminar da comissão de inquérito.
Os valores dos investimentos da PT no GES foram definidos pelo relator como "atípicos, quer em dimensão quer pelo peso relativo que representam", num total de exposição máxima de 4,992 milhões de euros, lembrou.
_________

Etiquetas: ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home