sábado

A humilhação suprema vende em TV: o falso solidarismo em contexto pré-natalício


Quem tropeça nas Tvs, depara-se com a seguinte orgia humilhante: pessoas a atravessar dificuldades de vida no plano social e económico, deixam-se filmar a chorar e a suplicar por um saco de arroz, azeite, bebidas e pouco mais. Perdem a alma por aquele saco. Entretanto, a estação de Tv e as "caras" conhecidas das estações em causa, aparecem a fingir que são beneméritas, quais isabeis jonet, e a peça está pronta a sair no prêt-à-porter das imagens, com a pele das vítimas dissecadas, já sem alma, dignidade e o mais. Isto é aviltante para todos, especialmente para as novas vítimas desta nova predação telemediática que vende estas imagens à hora de jantar e em ambiente pré-natalício. 

Sempre acreditei que quem quer, de facto, fazer trabalho social não o deve publicitar, quer para potenciar a sua eficácia social, quer, especialmente, para proteger a dignidade dos destinatários dessas ajudas solidárias. Mas as estações de TVs prostituem todos esses valores, princípios e práticas e acabam por meter de gatas todos aqueles homens e mulheres que carecem de ajuda. Pior do que isto, só mais do mesmo, amanhã, noutra estação de tv, mas com a mesma preocupação (social) fingida e dissimulada. E vende!!!

Eis o mundo falso e pérfido que criámos. E parece que todos convivemos bem com esta FALSIDADE, e em directo e em prime time!!!

__________


Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home