segunda-feira

A Terra Devastada - por Pedro Adão e Silva -




Via Câmara Corporativa -

  • Expresso



__________

Obs: A vantagem dos artigos de Pedro Adão e Silva é que ele, perante a confusão, nunca se perde nos elementos acessórios nem nas guerras de derivação montadas pelo XIX Governo (in)Constitucional para ver se passa pelos intervalos da chuva da corrupção dos vistos GOLD, do caso dos submarinos, do escândalo Tecnoforma e, claro, da mega-fraude GES/BES...

Deve ser por saber que Deus e o diabo estão nos detalhes. E o diabo grassa na economia, na elevada taxa de desemprego, no abate da PT (como se fosse gado bovino infectado), na miséria da pobreza que galopa, na podridão do funcionamento das instituições - só mantidas pelo fluxo de ar poluído emanado do compressor de Belém, pelo défice público bizarro, pela onda de destruição de activos da economia nacional (via privatizações selvagens e neoliberais) e tudo o mais que está na calha...

Pedro Adão e Silva é uma pessoa inteligente. Não se perde com o elefante que agora foi colocado no meio da sala, para ver se a opinião pública nacional deixa de olhar para os lados, que é por onde esgueira o grosso da corrupção em Portugal. 

Se a corrupção for medida em milhões de €uros em Portugal - seria muito interessante fazer um ranking de quem mais afectou a economia portuguesa, e, em conformidade, a justiça deveria priorizar as suas acções e investigações em função do prejuízo que aquela corrupção provoca em todos nós e na draconiana carga fiscal que o passismo tem imposto aos portugueses nos últimos 3 anos, em larga medida gratuitamente. 

__________


Etiquetas: ,

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home