quarta-feira

Buscas e arresto de bens nas casas de ex-administradores do BES

Nota prévia: Uma medida de carácter preventivo das autoridades judiciais para garantir o pagamento aos credores lesados, que talvez já seja um pouco tardia, ainda assim necessária para ressarcir os lesados, que são milhares de particulares e de empresas. 

- Para esses, o sr. Silva, o grande amigo de Ricardo Salgado e por quem foi durante décadas financiado nas suas campanhas eleitorais, ainda não teve a dignidade institucional de dar uma palavrinha de conforto e de garantia aos portugueses enganados e esbulhados no seu património. 

- Para o sr. Silva, primeiro, estão os amigos...

__________


Buscas e arresto de bens nas casas de ex-administradores do BES

por DN.pt com Lusa
Ricardo Salgado na comissão de inquérito parlamentar ao caso BES
Ricardo Salgado na comissão de inquérito parlamentar ao caso BESFotografia © Diana Quintela / Global Imagens

O arresto visa impedir "dissipação de bens", que ponha em causa pagamentos em caso de condenação. PJ está a arrestar, por exemplo, recheio de casas, barcos, carros, dinheiro, ouro e joias.
A Polícia Judiciária está a fazer buscas em vários pontos do país com o objetivo de arrestar bens a pessoas ligadas ao grupo Espírito Santo, disse à Lusa fonte ligada ao processo. Segundo a avança a RTP, estão em causa bens como o recheio de casas, barcos, carros, dinheiro, ouro ou joias.
A mesma fonte explicou que as buscas, a realizar em casas e escritórios, decorrem em vários locais do país e pretendem arrestar bens no âmbito do processo judicial "Universo Espírito Santo", que investiga crimes económicos e envolve a família que era dona do Banco Espírito Santo (BES).
No processo, o Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) investiga crimes de burla qualificada, fraude fiscal e branqueamento de capitais.
Em Maio, a Procuradoria-Geral da República esclareceu, em comunicado, que o arresto de bens a pessoas ligadas ao "Universo Espírito Santo" visa impedir "uma eventual dissipação de bens", que ponha em causa pagamentos em caso de condenação.
O Ministério Público promoveu "o arresto preventivo de bens imóveis e valores patrimoniais de outra natureza titulados por pessoas singulares e coletivas relacionadas com o denominado "Universo Espírito Santo", explicita-se no comunicado.
___________

Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home