sexta-feira

A democracia portuguesa está doente e o povo sabe e sente

“A democracia é o pior dos regimes à exceção de todos os outros”. A afirmação, que Winston Churchill eternizou, parece não encontrar grande paralelo na opinião do povo português. Pelo menos, a avaliar pelos resultados do Eurobarómetro, que revelam que 14% da população do país está insatisfeita com o regime democrático que vigora.
Ou, melhor, apenas uma fatia de 14% dos portugueses está satisfeita, ou muito satisfeita, com a democracia a nível nacional, percentagem que se replica no que à opinião sobre a democracia das instituições europeias diz respeito. Isto, quando a média europeia aponta para um índice de satisfação de 52%.
Assim, o povo português é o mais descontente da Europa no que concerne a matéria de democracia.
No polo oposto, posicionam-se os dinamarqueses: uma percentagem de 89% dos cidadãos daquele território está satisfeita face à democracia no seu país. Seguem-se-lhe os suecos (87%); finlandeses (79%); ou austríacos e luxemburgueses (78%).
Por outro lado, só 36% dos inquiridos nacionais considera que o facto de Portugal integrar a União Europeia é uma “coisa boa”, realça a edição de hoje do jornal i.
Além do desinteresse demonstrado relativamente à Europa, 72% dos portugueses entende que a União Europeia deveria ter como prioridade o combate contra a pobreza e a exclusão social.

Etiquetas:

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home